Mudanças na Câmara de Curitiba: Dez vereadores migram para novos partidos antes das eleições

Oito vereadores do União Brasil deixam a sigla em bloco, enquanto Ezequias Barros migra para o PRD e assume presidência municipal

Vereador Ezequias Barros (Foto: CMC)

Dez vereadores da Câmara Municipal de Curitiba (CMC) anunciaram mudanças de partido nesta terça-feira (12), em movimentações que reconfiguram o cenário político da cidade antes das eleições de 2024.

Êxodo do União Brasil

  • A bancada do União Brasil, composta por oito parlamentares, pediu desfiliação coletiva da sigla. O vereador Rodrigo Reis, líder do grupo, justificou a decisão alegando falta de diálogo com a Executiva Municipal.

  • Os vereadores que deixaram o União Brasil são: Rodrigo Reis, João da 5 Irmãos, Mauro Ignácio, Sabino Picolo, Sargento Tânia Guerreiro, Serginho do Posto, Zezinho Sabará e Toninho da Farmácia (este último já estava sem partido, mas oficializou a desfiliação).

Ezequias Barros assume novo desafio

  • O vereador Ezequias Barros anunciou sua desfiliação do Partido da Mulher Brasileira (PMB) e filiação ao Partido da Renovação Democrática (PRD).

  • Barros presidirá o diretório municipal do PRD em Curitiba, assumindo um papel de destaque na legenda.

  • A mudança fortalece o PRD, que passa a ter dois vereadores na CMC, contando também com Sidnei Toaldo. O PRD é o resultado da fusão do PTB e do Patriota, sendo o terceiro maior partido brasileiro em número de filiados.

Efeito dominó e futuro incerto

  • As mudanças de partido na CMC podem ter um impacto significativo no cenário político local, com a formação de novas bancadas e a redefinição de alianças.

  • O destino dos vereadores que deixaram o União Brasil ainda é incerto. Alguns podem se filiar a outros partidos, enquanto outros podem se candidatar a cargos majoritários nas próximas eleições.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Tapeçaria Alemão inova com sustentabilidade no mercado de couro automotivo

Internet gratuita em Guaratuba: Veja a relação dos pontos com Wi-Fi na cidade

Pedágio no Litoral do Paraná terá tarifas a partir de R$ 22,60